estreia em maio de 2022

A família dos instrumentos cerâmicos é grande, porém com expressão social tímida. A Grande Orquestra das Mãos de Barro juntará um núcleo de criativos (da música, do teatro, da dança e do circo), além de técnicos, na pesquisa e regeneração artística das ocarinas e de outros objetos sonoros de barro, com vista à conceção e circulação de uma performance original contemporânea.

O momento pós-pandémico suscita o reencontro. Primeiro entre criativos, muitos, na conceção de um espetáculo multidisciplinar que parte do barro como matéria-prima e do som como matéria-mãe. Depois entre criativos e público, o mais possível, na redescoberta da partilha artística, com base num universo singular de objetos sonoros cerâmicos nas mãos de artistas profissionais. Nunca tão perto o artesanato da arte.

A Grande Orquestra das Mãos de Barro é um projeto de complexa simplicidade, com relação direta aos quatro elementos: terra (na matéria), água (na moldagem), fogo (na cozedura) e ar (na secagem e no sopro de vida ao tocar).

Fotos
Elenco

Paulo Zé Neto (diretor artístico)
Beatriz Direito
Beatriz Mendes
Bitocas Fernandes
David Valente
João Pratas
Luís Carvalho
Mariana Miguel
Matilde Rodrigues
Patrícia Lestre
Ricardo Falcão
Rodrigo Neves
Sónia Sobral

Booking: dorfeu@dorfeu.pt

Parceiro Institucional: